21 de outubro

GDF - Administrações Regionais
24/09/20 às 11h26 - Atualizado em 24/09/20 às 11h26

Doação e parceria viabilizam pavimentação de rua e de estacionamento no JB

COMPARTILHAR

 

Novacap e Administração do Lago Norte doaram o material. Moradores fizeram o trabalho de forma voluntária

RAFAEL SECUNHO, DA AGÊNCIA BRASÍLIA | EDIÇÃO: RENATA LU

  

Sem mão de obra, os moradores botaram a mão na massa e assentaram os bloquetes doados| Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília

Uma parceria que deu certo e na qual os moradores “botaram a mão na massa” com alegria. De um lado, a Administração Regional do Jardim Botânico. Do outro, os moradores da região e do bairro João Cândido, próximo a São Sebastião. O esforço levou à construção de um estacionamento e ao assentamento de três pequenas ruas do bairro.

A Administração recebeu uma doação de cerca de 15 mil bloquetes de cimento, uma carga repassada pela Novacap e Administração do Lago Norte. Sem mão de obra, uma conversa firmou a parceria. “Tínhamos esses bloquetes em nossa sede. E identificamos onde havia maior demanda da comunidade e onde o material seria adequado. Deu muito certo e penso que o pessoal dá muito valor a essa conquista, que é dos moradores e também do governo”, pontua o administrador Antônio de Pádua.

Em João Cândido, duas ruas e uma passagem entre as casas foram reformadas. A situação das ruas era precária, com poeira e buracos. Geovani Pedroso, antigo morador, já havia levado várias reclamações à administração regional e mobilizou os moradores. Quando chovia, a lama tomava conta do local. “Havia muitos anos que a gente pedia um piso aqui. Na época da secura, é a poeira. Nas chuvas, eram poças cada vez maiores. Já caí aqui com meu filho”, conta Renato Silva, 48.

Renato Silva:  “Fui no automático; é a porta das nossas casas, né?” | Foto: Joel Rodrigues /Agência Brasília

Servente de pedreiro e atualmente desempregado, Renato foi um dos cinco voluntários para o serviço. Reuniu o time e foi para a rua. “Fui no automático; é a porta de nossas casas né?”, explica.  A dona de casa Marina Mundin, 50, também não hesitou em ajudar e carregou bloquetes junto com os vizinhos. Feliz com o resultado, agradeceu o apoio da Administração Regional. “Eles nos ajudam muito, escutam a comunidade. Quando o caminhão com os ‘tijolos’ encostou aqui, foi uma alegria”, conta a senhora. Onze mil peças cobriram as três ruas, a maior delas com 25 metros de extensão.

Estacionamentos

Já os moradores do Jardim Botânico ganharam mais um estacionamento, além do que já está sendo feito na avenida principal. Uma área mista próxima ao Condomínio Mansões Serrana vai ter um espaço com 28 vagas e 75 metros de extensão.

Ali, os comerciantes souberam do material disponível e se organizaram para promover um rateio para contratar a mão-de-obra. Servidores da Administração passaram por lá antes. “A gente preparou todo o terreno, fez a terraplanagem, cercou o local. E o pessoal já iniciou o serviço no dia seguinte”, lembra o diretor de Obras do Jardim Botânico, Jorge Belo.

Rinaldi Carlucio, antigo morador | Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília

“Era uma poeira imensa quando os caminhões paravam para descarregar alguma mercadoria. Incomodava não só o comerciante, mas quem compra também. Estragava os alimentos, os produtos, sem falar na possibilidade de uma doença”, destaca um dos mais antigos moradores, Rinaldi Carlucio, há 25 anos no local. Rinaldi vai todo dia à obra, “supervisionar” o trabalho. A expectativa é que em cinco dias o estacionamento já esteja em uso.

Outra obra em fase de conclusão no Jardim Botânico é o estacionamento da avenida principal, uma ação do GDF Presente. A via mais movimentada da RA, com 1,1 km de comprimento, vai ter 240 vagas para veículos. A reforma entre os trechos 1 e 9 está adiantada e até meados de novembro será entregue à população. Vinte e cinco servidores da Novacap e da Administração trabalham no local.

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros